Mensagem para os Odinistas da Irmandade Odinista do Sagrado Fogo feliz 25 anos!

Saudamos nossos irmãos e irmãs das tribos visigodas.

Hail jah Haila.
ᚺᚨᛁᛚᛊ ᛃᚨᚺ ᚺᚨᛁᛚᚨ.
Haila Frijonds jah Frijonjos Meina!
ᚺᚨᛁᛚᚨ ᚠᚱᛁᛃᛟᚾᛞᛊ ᛃᚨᚺ ᚠᚱᛁᛃᛟᚾᛃᛟᛊ ᛗᛖᛁᚾᚨ!.

A busca de encontrar nosso lugar neste mundo, tentando seguir o chamado de nossos deuses na tradição, nos leva à união, respeito e confiança de que não temos uma única verdade, mas somos nós que decidimos que é a hora para que a nossa espiritualidade se eleve em paz, união e respeito, quando o nosso coração é o nosso guia e o nosso espírito a nossa força.

Cada dia somos mais os que recebemos este chamado com toda a diversidade que isto traz.
A Irmandade Oðinnista do Fogo Sagrado cresce em um retorno ao tribalismo como forma de organização, nossa postura é de respeito e tolerância.

Meu desejo mais fervente são indivíduos que estabelecem famílias, baseadas em valores e virtudes retornando este passado e se adaptando a este presente no vir de nossos atos e ações presentes.
A todos os que reconstroem seu Thiuda, levanto meu chifre cheio de hidromel por este trabalho titânico.
Nos próximos dias a Irmandade completará 25 anos de sua fundação.
E será meu aniversário na era do zumbi crucificado.
Tudo começou com um sonho que tive durante nove meses, repetindo um chamado que desencadeou minha busca na tradição nórdica e germânica.
Começamos no México e evoluímos.
A verdade é que o maniqueísmo do Asatru era muito curto para nós, detectamos dualismo e muita manipulação cristã nas sagas e eddas e quando iniciamos os primeiros grupos de estudo do politeísmo germânico, descobrimos que tudo era um enigma.

E que havia mais nas diferentes tribos pré-cristãs que constituem o paganismo.
Para nossa surpresa, havia muitos ramos pagãos que adoravam os deuses com diferentes idiomas e diferentes formas.

Ymirians.
Theodish.
Urglaawe.
Fyrsidu.
Ásatrú.
Sketruar.
Rokatruar.
Dankwadizus.

O trabalho de Else Christensen de formar grupos de estudo para pesquisar suas raízes ancestrais em sua tribo e reconstruir a língua ecoou e quanto mais eu estudo, maior será a compreensão.
Não apenas pelos problemas existentes de quem está certo, ou você faz coisas como um grupo ou você é um herege, eles nos fizeram criar nosso próprio sistema.
Embora seja verdade que o Oðinnismo antes do IOSF tinha muitos erros como todos os humanos cometem, tentamos garantir que o Oðinnismo que praticamos não fosse racista, nem fosse visto como uma forma de lucro, e para oferecer pela primeira vez um lugar onde Aesir, Vanir, Gigantes e Elfos foram cultuados.
Começamos o tribalismo para focar nos métodos antigos.
Descartamos títulos como jarls e o sistema feudal que parecia um jogo nos grupos brosatruar.

Com essas palavras eu repito.
Não somos Asatruar.
Não somos teodistas.
Não reconhecemos nenhum texto como sagrado.
Não acreditamos no Ragnarokr, que para ser realista nas outras tribos germânicas não existe.

E nós cultuamos os 3 deuses criadores do ser humano dentro de uma trindade indo-européia.
Somos politeístas cultuando todos os Deuses Aesir e Vanir, Elfos e Jotuns=Gigantes.
Unimos conceitos como Wyrd, Orlog e Maegen, das tribos Anglo-Axon.
Ao promover o tribalismo, nos distanciamos de grupos tobi ou jogos de RPG medievais que abundam e veem todo esse caminho da tradição espiritual como uma saída e fuga da realidade.

Quanto mais estudávamos todo o tronco dos diferentes caminhos do heathendom paganismo em seus galhos, percebíamos que havia personagens que se preocupavam em querer legalizar um culto em cada país e se esqueciam das famílias e das pessoas que realmente queriam ter um altar em casa e pediam aos deuses e forças que os chamaram em seus corações.

Sim, aqueles que queriam ser Godis, para se tornarem famosos e depois acabam desistindo porque a posição era grande demais para eles.
Não somos pagãos retró como Theodish ou Fyrsidu.

Somos Odinistas, buscadores de conhecimento em um quebra-cabeça de tribos germânicas adaptadas ao mundo moderno.
E focado numa reconstrução das raízes godas.

Nós divulgamos e traduzimos material de todos os caminhos pagãos.
Embora sejamos contra aqueles que afirmam ser brosatru e serem satanitrus disfarçados, vemos essa hipocrisia e essa astúcia como desonrosas.

Não reconhecemos as invenções pseudo-mágicas como um caminho espiritual, uma cópia da obra de Vexior, aliás ekortu, porque se ele colocar o antinomianismo, arcontes da gnose, demiurgo, satanismo 218, isso é um jargão sem sentido apenas para vender livros sobre mentes adolescentes e crianças imaturas.

Mas estudaremos tudo para que possamos criar anticorpos para esse absurdo, para que não infecte os fracos de espírito.
Respeitamos e reconhecemos os Rokatru, como um ramo espiritual sério, que lidam com os gigantes.
Respeitamos os Ymirians, pois eles pensam muito como nós.
Se há pessoas que querem cultuar o thursar, elas têm todo o direito de honrar o que quiserem.
Mas bobagem de cabala com chakras e demiurgo, mão esquerda.

Senhores, se vocês têm tanto tempo no I.O.S.F. e saem junto aos que seguem vexior ou sua cópia da quarta sul-americana, não entenderam o que é a Fraternidade.

Na I.O.S.F. todos são honrados e adorados, mas separadamente e todos são livres para ter o deus Loki, como deus tutelar e ser Guðja ou Gullveig, Helja ou no meu caso Gauth, Hoenir e Lodur.
Infelizmente no México um grupo brosatru que apoiávamos copiou tudo mal e tentou monopolizar o asatru neste país, misturando ideias da I.O.S.F. com o Oðinnismo, eles nos copiaram até o ano rúnico e misturaram thursatru e o caminho da mão esquerda de vexior, com outras bobagens de autores satanitru cujo objetivo é vender livros de ocultismo.

Reitero que o asatru só honra o aesir e o vanir, além de não ser asatru, é algo mais disfarçado como no serviço e na defesa da tradição.
Sou profundamente grato a qualquer um que tenha seguido minhas palavras e me reconheça como um Ufarguðja, que é um título sem nenhum valor, a não ser aquele dado por aqueles que fazem parte da fraternidade de respeito e afeto.
Reconhecendo meus anos de esforço abnegado.

Um Guðja está lá para servir, não para ser servido.
Nós não somos uma seita.
Somos uma irmandade espiritual.

Saúdo os irmãos da irmandade na Inglaterra, nos Estados Unidos, México, Chile, Brasil, Argentina, Alemanha, Uruguai, Peru, Itália e todos os outros países onde temos membros que compõem os clãs Oðinnistas e famílias da I.O.S.F.
Obrigado por seguir minhas palavras e de forma experiencial encontrar suas respostas no belo caminho de ser um Oðinnista.
Poucos são aqueles que entendem o que é a Irmandade.
Mas para aqueles que trabalham ativamente em seus países em seus clãs e famílias.
Estou orgulhoso de todos vocês.

Comecei sendo o único no meu país e agora estamos presentes em mais de 18 países.
Não há conflito, apenas compreensão.
Que a paz da tribo esteja em suas vidas e em suas casas.
Para mim é uma verdadeira honra que você continue conosco
A Irmandade renasce de suas cinzas.
É hora de ficar ativo!!!
Lembrar é fácil pra quem tem memória. Esquecer é difícil pra quem tem coração.
Enquanto houver uma célula, um clã, que honre as nove nobres virtudes e sua organização seja tribal, não a discriminar ninguém pela sua cor de pele, enraizado na tradição ancestral goda.
Então a Irmandade Oðinnista do Sagrado Fogo continuará viva.
Ao final a reunião nos recintos sagrados, algum dia nos alcançará a todos por igual, e então ante nossos deuses e ancestrais poderemos todos brindar do mesmo chifre.

Que as Deusas velem o caminho daqueles que com um nó de conhecimento e esforço estão trabalhando para construir nosso caminho.
Hails ao povo de Gauth, Godan, Wodan, Vodanas, Othin, Wotan, Uuoden!!!!

O nosso caminho de vida está arraigado o Sangue (Folk) a Honra (Valores) e o Chan de Wodanaz=Vodan=Gaut, e non respondemos a ninguém mais que a nos mesmos.
Unsarai airizans gebun uns laiseinins jah biuhtja thaimei ni skulaima fraliusan, ist wulthrais du unsis du gaqiujan sa Wisigutiska ara mith thiudai.

Os nossos Ancestrais herdaram alguns ensinamentos e tradições que não podemos esquecer, é nosso dever para com o nosso povo ressurgir a águia visigótica.

……………………

Aftraqums fairnis Gutiskis biuhtjis fulleith aftra hairtona airizane unsaraize.
O retorno do antigo culto gótico mais uma vez encherá os corações de seus descendentes.
Unsarai, gutha uns witand.

Os deuses estão nos observando.

…………………..

Hwar ik im, miþþanei ik im, þar ist áins Gutiskland.
Onde quer que eu esteja, enquanto eu estiver, é uma terra Gótica.
Gutané Jér Weiháilag.
ᚷᚢᛏᚨᚾᛖ ᛃᛖᚱ ᚹᛖᛁᚺᚨᛁᛚᚨᚷ.
𐌲𐌿𐍄𐌰𐌽𐌴 𐌾𐌴𐌷 𐍅𐌴𐌹𐌷𐌰𐌹𐌻𐌰𐌲.
Auhusmits.
ᚨᚢᚺᚢᛊᛗᛁᛏᛊ.
Guðja Hoen.
ᚷᚢᚦᛃᚨ ᚺᛟᛖᚾ.
Clan Falker.
ᚴᛚᛅᚾ ᚠᛅᛚᚴᛅᚱ
H.O.S.F.
ᚺ.ᛟ.ᛊ.ᚠ.
I.O.S.F.
ᛁ.ᛟ.ᛊ.ᚠ.
Brasil.
ᛒᚱᚨᛊᛁᛚ.

Conselho Tribal Irmandade Oðinnista Do Sagrado Fogo.
Aliança da Águia Visigoda em Midjungard.

compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Pesquisar

Navegador!